27.7 C
Serra
domingo, 29 de março de 2020

Com 25% da exportação nacional, Serra recebe feira de rochas ornamentais

Leia também

“Meu Título de Eleitor permanece em Vitória”, diz Amaro Neto, que vinha sendo cotado para a Prefeitura da Serra

Uma suposta consulta do deputado federal Amaro Neto (Republicanos) ao Cartório Eleitoral da Serra causou alvoroço no mercado politico...

ArcelorMittal vai parar mais um alto-forno em Tubarão

Maior indústria instalada na Serra e 3ª maior planta produtora de aço do Brasil, a ArcelorMittal Tubarão anunciou que...

Espírito Santo tem 7 novos casos de Covid-19

O Espírito  Santo tem sete novos casos do novo coronavirus, segundo da informação divulgada pelo governador Renato Casagrande no...
Bruno Lyrahttps://www.portaltemponovo.com.br
Repórter do Tempo Novo há mais de 10 anos, Bruno Lyra escreve para diversas editorias do portal, principalmente Economia e Meio Ambiente, das quais é o responsável.

O Espírito Santo, que tem o principal parque produtivo do país, foi responsável por 82% das exportações nacionais em 2019. Foto: Divulgação

Cerca de um quarto das rochas ornamentais exportadas pelo país sai de empresas instaladas na Serra. A informação é do Centro Brasileiro dos Exportadores de Rochas Ornamentais (Centrorochas), que divulgou na última semana os dados sobre as exportações brasileiras do setor em 2019. Em fevereiro, a cidade receberá a maior feira de rochas ornamentais da América Latina.

De acordo com o Centrorochas, sozinhas as empresas da Serra venderam 25,3% do que foi da produção nacional para o mercado exterior no ano passado. O município é o principal beneficiador de rochas ornamentais e também maior exportador do país. A cidade não possui lavras de extração, apenas indústrias que transformam os blocos brutos de mármore e granito vindos de outros locais em chapas polidas.

O Espírito Santo, que tem o principal parque produtivo do país, foi responsável por 82% das exportações nacionais em 2019. O estado possui 1,6 mil empresas do setor, sendo que 200 delas estão localizadas na Serra.

Ainda segundo o Centrorochas, são gerados 25 mil empregos diretos na atividade no ES, somados extração e beneficiamento. Dados do Centrorochas apontam, ainda, que em 2019, o estado exportou U$ 827,7 milhões – alta de 4,43% em relação a 2018. O total exportado pelo país foi de pouco mais de U$ 1 bilhão, alta de 2% em relação ao ano anterior.

Já a feira acontecerá de 11 a 14 de fevereiro. Apesar do nome, a Vitoria Stone Fair | Marmomac Latin America acontece desde 2003 no Pavilhão de Carapina. Segundo a organizadora Flávia Milaneze, o evento deve atrair 18 mil pessoas de 50 países, além de 240 expositores, entre empresas do setor de rochas, fornecedores de máquinas, equipamentos e prestadores de serviço.

 

Comentários

Mais notícias

ArcelorMittal vai parar mais um alto-forno em Tubarão

Maior indústria instalada na Serra e 3ª maior planta produtora de aço do Brasil, a ArcelorMittal Tubarão anunciou que vai paralisar o Alto-Forno 03....

Espírito Santo tem 7 novos casos de Covid-19

O Espírito  Santo tem sete novos casos do novo coronavirus, segundo da informação divulgada pelo governador Renato Casagrande no final da tarde deste sábado...

Indústria faz campanha para consumidor priorizar produto capixaba

A Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes) lançou esta semana campanha para que o consumidor capixaba compre produtos produzidos no Estado. A campanha diz...

Mais de 43 mil moradores já se vacinaram contra gripe na Serra

Durante a primeira semana da Campanha de Vacinação contra gripe para os grupos prioritários, a Serra já imunizou mais de 43 mil moradores. De...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem