25.7 C
Serra
terça-feira, 18 janeiro - 2022
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Chico Prego vira jogo eletrônico e ensina enquanto entretêm públicos de todas as idades

Leia também

Velório e sepultamento de Hermes Scardini será nesta quarta (19)

Está marcado para esta quarta-feira (19), a partir das 7h30, no cemitério Jardim da Paz, em Alterosas, o velório...

Cadela é encontrada esquartejada em possível ritual de magia negra na Serra

Uma cena forte, um crime cruel e bárbaro marcou o final da tarde desta terça-feira (18) dos moradores de...

Serra ultrapassa 85 mil casos de Covid-19; 1.061 foram registrados nas últimas 24h

De segunda (17) para terça-feira (18) a Serra registrou 1.061 novos casos de Covid-19. De acordo com dados do...

O jogo eletrônico “Prego: Uma luta pela liberdade” é entretenimento para todas as idades. Foto: Divulgação

Inspirado na cultura da Serra, a história de Chico Prego, herói da Insurreição de Queimado foi transformada em jogo eletrônico para navegador. Intitulado “Prego: Uma luta pela liberdade”, o jogo tem o enredo da maior revolta de escravos do Espírito Santo, contado de forma clara, com animações e cenários baseados nos fatos. O jogo ensina enquanto entretém o jogador.

Para acessar clique aqui.

O trabalho foi criado pelos amigos Fabiano Rodrigues, que é professor e game designer e Rodolpho Messias, que é gerente de projeto e analista da informação e tem uma interface clara e intuitiva onde Chico Prego enfrenta os adversários com golpes de capoeira enquanto a história sobre a Insurreição de Queimado se desenvolve e os cenários vão avançando.

O principal objetivo dos desenvolvedores é contar a história do herói serrano, desvinculando a ideia de vítima e colocando-o como o protagonista da luta pela sua liberdade e a liberdade de centenas de homens e mulheres em situação de escravidão que viviam no distrito de Queimado em 1849.

O criador Fabiano contou que a ideia é fazer com que os jovens tenham orgulho dessa história. “Queremos que os jovens que joguem sintam orgulho da sua história, de seus heróis e antepassados. Que existe uma história de resistência similar àquelas que assistimos na TV e cinema de heróis que lutaram e morreram pela liberdade”.

Seguindo uma linha de beat’em ups, estilo muito conhecido em fliperamas tendo empresas famosas como a Capcom que se utiliza muito do estilo, torna-se muito atrativo para públicos tanto jovens como a geração mais antiga que se divertiu jogando jogos deste estilo. Unificando assim história com diversão, uma das melhores ferramentas para se ensinar.

Sobre o Queimado

A Insurreição do Queimado é considerada por especialistas como o principal movimento contra a escravidão ocorrido no Espírito Santo. O fato aconteceu em 19 de março de 1849 quando houve a revolta, segundo pesquisadores, por conta de uma promessa não concretizada de liberdade, feita pelo frei italiano Gregório José Maria de Bene aos escravos da localidade de São José do Queimado, hoje distrito da Serra.

Mais de 300 homens, mulheres e até crianças participaram desta rebelião que foi liderada por Chico Prego, João da Viúva, Elisiário Rangel e muitos outros líderes que articularam seu povo para tomar a liberdade com as próprias mãos. Os rebelados foram presos e julgados, cinco deles condenados à morte.

Um dos líderes da revolta, Elisiário Rangel, escapou da cadeia e refugiou-se nas matas do Morro do Mestre Álvaro e nunca mais foi recapturado. Chico Prego foi capturado e enforcado, em 11 de janeiro de 1850.

Chico Prego nomeia a Lei de Incentivo Cultural do Município e também foi eternamente homenageado por meio de uma estátua em bronze afixada no local onde ocorreu sua morte.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!