23.2 C
Serra
quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Cartunista capixaba critica censura de Crivella a quadrinhos com beijo gay

Leia também

Capixabas participam da convenção do partido de Bolsonaro, em Brasília

Um grupo de capixabas está em Brasília para participar da primeira convenção do Aliança pelo Brasil, partido do presidente...

Serranos participam de seletiva de Vôlei Adaptado em Vitória

Eles têm 50, 60 e até 70 anos, mas, com uma vitalidade de dar inveja em muito marmanjo por...

Ministério público pede perda de mandato e de direitos políticos para Geraldinho Feu Rosa

Vereador de primeiro mandato, Geraldinho pode ter que ficar cinco anos sem disputar as eleições
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A polêmica foi em torno da história em quadrinhos da Marvel, ‘Vingadores, a Cruzada das Crianças’, que em uma de suas páginas mostra um beijo gay. Foto: Divulgação Marvel

Um beijo entre dois personagens homens de uma história em quadrinhos, da Marvel, causou polêmica, durante a Bienal do Livro, no Rio de Janeiro, encerrada no último domingo (8). O prefeito da capital carioca, Marcelo Crivella (PRB), colocou fiscais para percorrer os estandes do evento a fim de apreender exemplares dos quadrinhos vendidos na feira. A tentativa de censura repercutiu até fora do país, e na Serra não foi diferente.

Moradora de Vitória e frequentadora de espaços culturais da Serra, a autora e desenhista de mangá, Bianca Bernardi, considera a atitude do Crivella completamente errada. “O problema foi puramente por preconceito, por ser um casal homossexual dando aquele beijo. A mídia está repleta de beijos hetero totalmente acessíveis para qualquer um e sem maiores problemas, mas a homofobia é tão grande que qualquer demonstração de afeto fora desse padrão é considerada um absurdo”, argumenta.

Bianca ressalta que a revista em questão tinha classificação indicativa de idade, e isso não se devia ao beijo, mas sim de outras cenas da história. “A tentativa de censura, levada por esse viés ideológico preconceituoso, é uma grande afronta a nossa democracia. Uma demonstração de afeto entre LGBT+ não é pornografia, é apenas uma demonstração de afeto como qualquer outra”, frisa.

Já o desenhista Chris Ciuffi, morador de Feu Rosa, pondera que quadrinhos com conteúdo de violência e sensualismo precisam ter uma indicação na capa em locais que crianças têm acesso. “Ou seja, se é lei ter a indicação e o lojista não respeitar eu sou a favor da proibição. Mas se não for lei, eu sou contra”.

A polêmica foi em torno da história em quadrinhos da Marvel, ‘Vingadores, a Cruzada das Crianças’, que em uma de suas páginas mostra um beijo gay. O prefeito Crivella queria que os exemplares fossem apreendidos, mas o Supremo Tribunal Federal impediu a atitude, alegando – segundo divulgado por jornais de todo o Brasil e também do mundo – que “o regime democrático pressupões um ambiente de livre trânsito de ideias”.

Comentários

Mais notícias

Serranos participam de seletiva de Vôlei Adaptado em Vitória

Eles têm 50, 60 e até 70 anos, mas, com uma vitalidade de dar inveja em muito marmanjo por aí. Esses são os vovôs...

Ministério público pede perda de mandato e de direitos políticos para Geraldinho Feu Rosa

Vereador de primeiro mandato, Geraldinho pode ter que ficar cinco anos sem disputar as eleições

Erick Musso escreve um ciclo de independência da Assembleia e responsabilidade com o ES

Artigo de Opinião do Jornal Tempo Novo   Em meio a uma articulação para antecipar a eleição da mesa diretora, o presidente da Assembleia Legislativa, Erick...

Rotina: jovem é assaltada na Serra às 4h da manhã indo trabalhar

https://youtu.be/Lo_QtrFaxyg Assaltos a pontos de ônibus e a qualquer hora do dia. Quem mora em Nova Carapina II está tendo que conviver com este problema...

Você também pode ler

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!