[secondary_title]

Brasileiras predominam e conquistam todos os títulos do ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro

Neymara Carvalho, Mariana Nogueira e Isabelli Nunes faturam as categorias Profissional, Master e Pro Junior, respectivamente, em etapa exclusivamente feminina do Mundial de Bodyboard

- PUBLICIDADE-
Na Praia do Jacaraípe, as três foram as vencedoras nas categorias Profissional, Master e Pro Júnior, respectivamente. Foto: Rodrigo Gavini

Sábado das campeãs no ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro. Neymara Carvalho, Mariana Nogueira e Isabelli Nunes conquistaram os títulos em disputa no campeonato mundial exclusivo para mulheres, realizado em Serra (ES). Na Praia do Jacaraípe, as três foram as vencedoras nas categorias Profissional, Master e Pro Júnior, respectivamente. Ficarão para sempre marcadas na história como campeãs da etapa inédita do Mundial da modalidade.

O sábado começou com as disputas das semifinais. Na categoria Profissional, a  japonesa Sari Ohhara, terceira do ranking e campeã mundial em 2019, levou a melhor sobre a brasileira Maíra Viana. Na outra semifinal da categoria, Neymara Carvalho foi melhor e eliminou a também brasileira Isabela Souza.

Já na Master, o destaque foi Mariana Nogueira, que conquistou uma nota 10 para tirar a portuguesa da disputa. A outra vaga na final foi para Joselane Amorim. O bom desempenho desde as primeiras baterias prevaleceu para eliminar a também brasileira Francis Aoto. Na Pro Junior, a final foi composta por Luna Hardman, filha de Neymara Cavalho, que eliminou Bianca Simões, e Isabelli Nunes, que despachou Gabriela Penha.

Hora da decisão

Foto: Rodrigo Gavini

A final profissional foi marcada por grande equilíbrio. A japonesa Sari Ohhara chegou a conquistar a maior nota no embate com Neymara Carvalho. No entanto, a anfitriã prevaleceu nas águas da Praia do Jacaraípe. Ohhara arrancou um 8.40, porém Neymara conquistou um 8 e um 7.50 para somar 15.50 no total e vencer a “gringa” por apenas 0.35 pontos de diferença.

Outro espetáculo foi a decisão da categoria Master, com duas lendas do bodyboard brasileiro na água. Mariana Nogueira e Joselane Amorim fizeram um ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro lindo, que foi comprovado pelo resultado apertado na final. Melhor para Mariana Nogueira, que conseguiu um 7 e 6 para somar 13, 0.75 a mais que Joselane. Já na decisão da Pro Junior, quem levou a melhor foi Isabelli Nunes, com a soma de 14.75 contra 12.75 alcançados por Luna Hardman.

RESULTADOS DESTE SÁBADO (25) DO ARCELORMITTAL WAHINE BODYBOARDING PRO

  • PROFISSIONAL FEMININO – SEMIFINAIS

1.a – Sari Ohara (JAP) 13.25 x Maira Viana (BRA) 11.00

2.a – Neymara Carvalho (BRA) 14.30 x Isabela Sousa (BRA) 13.65

PROFISSIONAL FEMININO – FINAL

Neymara Carvalho (BRA) 15.50 x Sari Ohara (JAP) 15.15

  • MASTER FEMININO – SEMIFINAIS

1.a – Mariana Nogueira (BRA) 18.65 x Catarina Sousa (POR) 10.65

2.a – Joselane Amorim (BRA) 13.00 x Francis Aoto (BRA) 12.00

  • MASTER FEMININO – FINAL

Mariana Nogueira (BRA) 13.00 x Joselane Amorim (BRA) 12.25

  • PRO JUNIOR FEMININO – SEMIFINAIS

1.a – Luna Hardman (BRA) 12.75 x Bianca Simões (BRA) 6.40

2.a – Isabelli Nunes (BRA) 15.25 x Gabriela Penha (BRA) 7.25

  • PRO JUNIOR FEMININO – FINAL

Luna Hardman (BRA) 12.75 x Isabelli Nunes (BRA) 14.75

Bateria com atletas PCD

Também foi marcante a apresentação das atletas PCD (Pessoas com Deficiência) na manhã deste sábado no ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro. As atletas Érica Rodrigues (ES), Cintya Belly (PE), Tiana Dantas (PB) e Mariana Gesteira (ES) mostraram sua potência e fizeram bonito no mar em Jacaraípe.

Com histórias que reforçam sua força de vontade, as atletas encararam as ondas e fizeram uma belíssima e inspiradora apresentação. Essa foi a primeira vez que uma bateria em um campeonato feminino de bodyboard reuniu exclusivamente atletas PCD, iniciativa muito elogiada pelas competidoras e também por atletas de outras baterias, que vibraram com a presença das colegas na água.

Sobre o ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro

O projeto idealizado por Neymara Carvalho surgiu em 2021. “Wahine”, que significa “mulher” na língua havaiana, evidencia o resgate da conexão com os povos indígenas das ilhas do Havaí e inspira o evento esportivo. Além disso, foi em águas havaianas um dos pódios mais emblemáticos de Neymara. Ao sair da Barra do Jucu, ela consagrou seu nome no cenário do bodyboarding internacional sendo a campeã de uma das mais acirradas disputas do Mundial, na Praia de Pipeline, em 2006 e 2011.

O ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro é uma realização do Instituto Neymara Carvalho e conta com o patrocínio do Governo do Estado do Espírito Santo e apresentação da ArcelorMittal.

Chuva forte causa caos na Serra, alaga ruas e interdita BR-101

O tempo mudou e uma super chuva começou a atingir as cidades da Grande Vitória, na noite desta sexta-feira (1º). Na Serra, há diversos...

Dengue avança na Serra e ministra da Saúde estará em Feu Rosa para conscientizar moradores

  A ministra da Saúde, Nisia Trindade, estará na Serra, neste sábado (2), para a ação do Dia D de Mobilização Contra a Dengue. A...

Sábado tem Roda dos Mestres de Capoeira no Parque da Cidade

Pela primeira vez, a Serra vai sediar o Roda dos Mestres de Capoeira/ES. A quinta edição do encontro será neste sábado, 02 de março, no Parque...

Violência contra a mulher será tema de evento no Eliziário Rangel neste sábado

  Neste sábado (2), uma abordagem sobre a violência contra a mulher estará na pauta do Cineclube Rosilda Moreira, situado no Centro Cultural Eliziário Rangel,...

Serra terá ação para prevenção da Hepatite C neste sábado

O Rotary Club Serra Centenário será palco, neste sábado (2) de ações para conscientização para prevenção da Hepatite C. A campanha é global, e...

Feirinha de Colina de Laranjeiras terá música ao vivo na sexta e no sábado

A pracinha de Colina de Laranjeiras, na Serra, tem se tornado ponto de encontro dos moradores do bairro e de comunidades adjacentes para se...

Vale abre novas vagas de emprego exclusivas para mulheres

A Vale está com um novo processo seletivo aberto com vagas preferenciais para mulheres no Espírito Santo e há chances para moradoras da Serra....

Infertilidade pode afetar até 50% das mulheres com endometriose

Este mês é dedicado à campanha do “Março Amarelo”, criada com objetivo de promover a conscientização sobre a endometriose, doença ginecológica crônica que afeta...

Vans escolares causam trânsito intenso em Laranjeiras e motoristas reclamam

Desde o retorno das aulas, os motoristas que circulam pela Avenida Central e pela rua Carlos Gomes, em Laranjeiras, na Serra, enfrentam dificuldades significativas....