• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 68.100 casos
  • 1.417 mortes
  • 66.111 curados
23.7 C
Serra
sexta-feira, 23 julho - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 68.100 casos
  • 1.417 mortes
  • 66.111 curados

Blitz do Consumidor resolve problemas de 200 moradores de Vila Nova de Colares

Leia também

Estudo inglês demonstra que segunda dose de vacinas é essencial contra a variante delta

Mais um estudo demonstra a necessidade da segunda dose da vacina contra a Covid para que a proteção seja...

Gleisi Hoffman vem ao Estado para contribuir na formação de uma frente pró-Lula

  Com o avanço da popularidade de Lula no Espírito Santo e retomada do ex-presidente na preferência dos eleitores capixabas,...

Conheça a obscura e milionária história do TIMS, o maior calote que a população da Serra já tomou

    Localizado as margens da Rodovia do Contorno, é inegável a importância econômica e de geração de empregos do TIMS...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Segundo o idealizador do projeto, deputado Vandinho Leite, a ação visa enfrentar a pandemia sob o perspectiva do consumidor. Foto: divulgação.

No último sábado, a “Blitz do Consumidor”, da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia, presidida pelo deputado Vandinho Leite (PSDB), esteve na comunidade de Vila Nova de Colares, na Serra. Na ação, realizada via Procon-Ales, os moradores puderam negociar débitos, fazer cadastro nas tarifas sociais de água e energia, pedir revisão de faturas, entre outros serviços que foram disponibilizados às cerca de 200  pessoas que estiveram presentes no evento.

A “Blitz do Consumidor” resolveu casos como o da Ana Cristina. Ela estava com um débito de R$ 10 mil em faturas de energia atrasadas. Após ser atendida pela equipe do Procon-Ales, a moradora conseguiu parcelar sua dívida em mais de cem vezes, em valores que não comprometerão o seu orçamento.

“Estou saindo muito satisfeita, após ter conseguido esse acordo. Se não fosse essa oportunidade, eu não teria como pagar essa dívida”, disse a consumidora, que saiu de casa mesmo diante de muita chuva, para não perder a passagem da “Blitz do Consumidor” por seu bairro.

Um dos pontos altos dos atendimentos feitos dentro da estrutura levada a Vila Nova de Colares foi a negociação de dívidas, com muitos casos semelhantes ao da Ana Cristina. Chamou a atenção a quantidade de moradores com faturas acumuladas, cujos valores, diante da realidade de grande parte da população do bairro, tornavam praticamente impossível a quitação dos débitos.

De acordo com Vandinho, essa situação reflete as dificuldades que a população tem enfrentado diante dos danos causados pela pandemia da Covid-19, em que milhares de capixabas perderam emprego e renda, em especial na Serra, onde mais de 120 mil famílias entraram para a linha pobreza e da extrema pobreza.

“Na maioria das vezes, o morador tem, sim, vontade de quitar os seus débitos, principalmente os que envolvem serviços essenciais, como água e energia, mas fica impossibilitado de fazer isso por conta dos altos juros e multas que vão se acumulando ao longo dos meses. E essa ação da Defesa do Consumidor foi pensada justamente para esse cenário, em que muitas famílias não têm nem sequer o que comer, tendo de escolher entre pagar dívidas e se alimentar”, afirmou.

Ainda segundo o parlamentar, a expectativa é a de que a “Blitz do Consumidor” atenda ao maior número possível de bairros da Serra, bem como demais regiões da Grande Vitória e municípios do interior do Estado. “Queremos levar essa oportunidade a todos os capixabas que hoje se encontram em dificuldade para regularizar seus débitos”, ressaltou.

Além de acordos e parcelamento de débitos, quem foi à ação em Vila Nova de Colares também conseguiu tirar dúvidas sobre as tarifas sociais de água e energia, que dão desconto de até 60% no valor das faturas, e se cadastrar no benefício.

Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!