25 C
Serra
sábado, 05 de dezembro de 2020

Bebê de 10 meses é salvo por policiais militares após se engasgar na Serra

Leia também

Prefeitura diz que dinheiro em caixa é maior do que dívida consolidada

A gestão atual da Prefeitura da Serra está prometendo deixar o comando do Município com R$ 485.907.651,01 de dinheiro...

Vidigal define equipe para transição de governo. Veja quem são os escolhidos

Após ser escolhido para ser o prefeito da Serra pelos próximos quatro anos, Sérgio Vidigal (PDT) já montou a...

Vice-prefeito eleito cancela agendas após esposa testar positivo para coronavírus

O vice-prefeito eleito da Serra, Thiago Menezes Carrero (Cidadania), cancelou suas agendas externas para os próximos dias. A decisão...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Família de Pietro passou por momentos de susto neste sábado. Foto: Divulgação

Um bebê de apenas dez meses e sua família passaram por um grande susto no último sábado (24), em Vila Nova de Colares, na Serra. A situação não se tornou uma fatalidade, graças a policiais militares, que socorreram a criança, chamada Pietro. Tudo começou quando o pequeno brincava com seu irmão, João Guilherme, e ingeriu o pedaço de um objeto. Na mesma hora, Pietro ficou sem conseguir respirar.

Segunda informações divulgadas pela Polícia Militar, João Guilherme observou que seu irmão estava sem respirar, o pegou no colo e correu pedindo socorro aos seus pais.

Sem conseguir fazer com que a criança respirasse, Thyago Costa Alves – pai – pediu ajuda a um colega que passava na hora, mas eles não conseguiram recuperar a criança, que já estava desfalecendo e ficando roxa.

Foi quando uma vizinha lembrou dos policiais do posto de trânsito, em Manguinhos, conhecido como Posto 02. Imediatamente, Thyago e o colega foram às pressas para Posto 02. Chegando lá, desesperado e com a criança já desfalecida, Tiago entregou a criança ao cabo Crivelari, que tomou a iniciativa de aplicar a Manobra de Heimlich, técnica de desobstrução de vias aéreas muito utilizada em primeiros socorros nos casos de sufocamento.

Para alívio de todos, o pequeno Pietro começou a reagir. A equipe, então, dirigiu-se à unidade médica mais próxima. “Durante o percurso, Pietro, já recuperado, demonstrava curiosidade pelo novo ambiente”, disse Thiago, que hoje está aliviado. 

Chegando ao UPA, a médica que atendeu o bebê disse aos pais que a rápida ação policial salvou a vida da criança e que ele não corria mais risco.

De acordo com a polícia, o Comandante do Bptran, tenente-coronel, Glariston Fonseca Nascimento,  parabenizou a equipe de policiais que, numa ação rápida e precisa, conseguiu trazer de volta a alegria e o sorriso à família de Pietro.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!