22.7 C
Serra
sexta-feira, 03 de julho de 2020

Após nove horas interditada, BR-101 é liberada na Serra

Leia também

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12...

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do...

Serra ultrapassa oito mil casos confirmados de coronavírus e atinge 320 mortes

Seguindo na liderança de casos confirmados de coronavírus no Espírito Santo, a Serra já ultrapassou a triste marca de...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Situação ficou complicada na BR 101, próximo ao Epa Supermercado. Foto: Divulgação Leitor

Após ficar por nove horas interditada em diversos pontos, a BR-101 foi liberada na Serra. Segundo informações da Eco 101, concessionária que administra a rodovia, a via já está totalmente liberada e não há nenhum ponto de alagamento.

Durante a manhã e o início da tarde desta sexta-feira (22), a BR-101 ficou tomada por águas da chuva que castigaram o Espírito Santo nesta semana. Um dos pontos mais críticos foi próximo do supermercado Epa, em Laranjeiras.

Também houve locais interditados nas proximidades de Campinho da Serra, Central Carapina e Taquara I. Os motoristas não conseguiam passar pela rodovia e por isso o trânsito ficou completamente parado no sentido Vitória x Serra.

Chuva faz BR-101 ficar cheia de buracos e Eco não diz quando vai consertar

Após as fortes chuvas que atingiram o Espírito Santo desde a semana passada, o trecho que corta a Serra da BR-101 está cheio de buracos. As crateras preocupam motoristas e motociclistas que precisam trafegar pela rodovia todos os dias – que também cobram uma posição da concessionária que administra a BR, a Eco 101.

Um internauta do TEMPO NOVO gravou um vídeo enquanto circulava pela rodovia e denunciou os diversos buracos que apareceram nas pistas. De Porto Canoa, Sérgio Ricardo Moreira, reclama da situação e cobra providências por parte da concessionária que administra a rodovia. Segundo ele, os buracos são profundos e oferecem risco de acidentes para motoristas.

“Está muito perigoso na BR-101. Os buracos estão profundos. Ontem (20), eu quase me acidentei gravemente em uma cratera que estava perto da entrada de Barcelona. Só não caí direto no chão porque consegui apoiar com as pernas, mas amassei meu veículo. A Eco precisa apresentar uma solução”, relata o morador.

O TEMPO NOVO entrou em contato com a assessoria de impressa da Eco 101, que não informou se irá realizar uma operação tapa buracos na rodovia, após as chuvas. A empresa afirmou que está atuando desde cedo no perímetro urbano da Serra e mantendo equipes de prontidão em pontos estratégicos para atendimentos emergenciais.

A Eco disse ainda que desde que assumiu a concessão, há seis anos, investiu na BR-101 “R$ 1,5 bilhão em obras de modernização, melhorias, ampliação e serviços operacionais”.

Por fim, a concessionária explicou que vai investir mais R$230 milhões na recuperação do pavimento até maio de 2021, representando a recuperação de 100% da malha viária da BR-101, no trecho sob concessão, mas não deu muitos detalhes sobre as obras.

Comentários

Mais notícias

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do acompanhante), que alterou a lei...

Serra ultrapassa oito mil casos confirmados de coronavírus e atinge 320 mortes

Seguindo na liderança de casos confirmados de coronavírus no Espírito Santo, a Serra já ultrapassou a triste marca de oito mil moradores infectados e...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!