21.8 C
Serra
segunda-feira, 06 de julho de 2020

Após mobilização de médico, pedido para transformar Materno infantil na Serra em ‘free-covid’ chega ao Ministério da Saúde

Leia também

Projeto garante teste gratuito de coronavírus a doadores de sangue

Tramita na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei versa sobre a inclusão de testes para detecção da Covid-19 em...

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12...

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

Médico diz que pacientes com outras doenças não estão conseguindo atendimento em hospitais. Foto: divulgação

Preocupado com o atendimento hospitalar para toda a população do Espírito Santo, o médico Gustavo Peixoto defende que o hospital materno infantil seja free covid. Isso significa que a unidade não será exclusiva para pacientes com Covid-19.

Para garantir a sua demanda, Peixoto enviou documento para a senadora Rose de Freitas; o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello; e o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes de Medeiros Júnior.

Gustavo Peixoto falou sobre a senadora Rose de Freitas, que sinalizou positivamente sobre o tema.

“Rose sempre esteve muito ligada à questão da saúde. Quando eu estava na gestão do Hospital das Clínicas, e o Sobral era superintendente, ela sempre apoiou muito essa questão de saúde. Deixando de lado qualquer campo ideológico, porque agora é o momento de união nacional; tem que acabar com essa história de fulano não fala com cicrano, tem que todo mundo se unir, a senadora foi muito bacana; ela me ligou pessoalmente para poder entender qual era minha ideia; eu expliquei minha ideia. Ela é um trator para trabalhar, foi lá e conversou diretamente com o ministro; conseguiu explicar para ele a situação, sensibilizá-lo e eu redigi um documento para formalizar, e o ministro e ela estão propensos a fazer a habilitação dos leitos. Ela comprou a pauta, e nessa parte de saúde ela realmente se destaca. O papel técnico dela é muito bom. Ela sempre deu muita ajuda para a gente conseguir equipamentos de saúde para vários locais. Posso falar porque lá nas clínicas em momentos de crise ela foi quem mais ajudou, e ela foi muito solícita”.

Segundo Peixoto, o vereador Catirica também fez um discurso apoiando nossa ideia, na Câmara da Serra; “o Xambinho também comprou a pauta e viabilizou uma agenda com o secretário de Saúde, na próxima semana, quando vamos apresentar nossa proposta”.

No documento, Peixoto esclarece que o hospital já encontra-se finalizado e apto a funcionar. Ele lembrou que o prefeito da Serra, Audifax Barcelos ofereceu o hospital ao Governo do Estado para reforçar a capacidade neste momento de combate à pandemia.

“A população capixaba necessita de um hospital Covid Free, onde possam ser efetuados com segurança tratamentos das demais  doenças que não cessaram, gerando uma demanda reprimida com prejuízo irreparável à  população, inclusive óbitos, sendo o hospital Materno infantil perfeitamente adequado para tal intento”.

Comentários

Mais notícias

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12 de julho, as 16 horas....

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do acompanhante), que alterou a lei...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!